• Danielle Laís

Qual a função do malte para o chopp?

Como você já deve saber, para fazer o chopp, apenas quatro ingredientes são necessários e fundamentais, sendo eles malte, lúpulo, água e levedura. Mas, o que exatamente é o malte, ingrediente que tanto se fala atualmente no universo cervejeiro?

Se você é um bom amante do chopp, temos certeza de que quer saber cada vez mais sobre sua bebida favorita, então venha com a gente aprender um pouco mais sobre isso.


Malte

Diferente do que você pode pensar, o malte não é algo pronto que precisa apenas ser acrescentado à mistura, ele é retirado de algum tipo de grão, podendo ser tanto a cevada, centeio, trigo, milho ou mesmo outros.

Após o colhimento do grão escolhido para se tornar o malte, ele passa para a maltaria, onde as análises e testes são feitos.

Depois disso, os grãos permanecem em um local com controle de umidade e temperatura, e apenas depois de brotarem, tem o processo interrompido, para serem secos e após isso, torrados e adicionados à receita.


O malte é o coração do chopp

A função do ingrediente é dar os nutrientes e açúcares que vão ser o alimento do fermento (leveduras). Nesse momento, o álcool e o gás carbônico são produzidos, em um processo que leva o nome de fermentação.

Porém, diversas outras coisas afetam no resultado final do chopp, e o malte, como falamos, é a principal delas. O tipo de malte e o quão torrado foi garante características como a cor, sabor e aroma para cada estilo de chopp.


As principais contribuições do malte para o chopp:

1. Cor: vai de acordo com o grau de torrefação do malte, isso garante cores diferentes para o chopp, indo desde o amarelo palha, dourado, vermelho, cobre, marrom e até preto opaco. A coloração do malte depende exclusivamente da torra do malte;

2. Corpo: proteínas e açúcares complexos do malte são usados para garantir mais textura para o chopp, sendo utilizados para dar cremosidade para a bebida. Portanto, o corpo do seu chopp varia de acordo com o tipo de grão maltado;

3. Aroma e sabor: esses têm uma grande variedade. O malte é responsável pelos aromas do chopp, que pode ir de biscoito, até caramelo, café e chocolate. Tudo depende do quão torrado o malte está;

4. Filtragem: a própria casca do malte auxilia na filtragem do chopp. Assim, é mais fácil ter aquele chopp translúcido e fresquinho.


Variações do malte

Para alguns tipos de chopp, os grãos são modificados diretamente no processo de germinação, o que garante características cristalizadas ou caramelizadas na hora da secagem. Isso faz com que alguns chopps tenham um sabor ou aroma mais açucarado.

Já outros estilos mais escuros da bebida, utilizam maltes extremamente torrados e escuros, o que resulta em alguns tipos de chopps escuros que conhecemos por aí.

Deu água na boca só de ler, não é? Esperamos que você tenha aprendido um pouco mais sobre a importância do malte para seu chopp, um ingrediente que é fundamental para que nós da Black Chopp possamos te entregar a melhor bebida em todos os momentos.


Gostou do artigo de hoje? Compartilhe com seus amigos amantes de chopp!

15 visualizações

© BLACK CHOPP - Todos os direitos reservados. Cnpj: 18.202.628/0001-35

romper
Logo ROMPER publicidade